terça-feira, 1 de setembro de 2015

Tudo sobre Açúcar

Olá!!

Fiz um breve resumo os vários tipos de açúcar.
Na minha opinião, o ideal é evitar ao máximo o açúcar adicionado e alimentos que contenham açúcar, mesmo para quem quer manter ou ganhar peso. O excesso de açúcar leva à vários problemas de saúde, sem falar no vício que ele gera. Como grande parte dos produtos alimentícios levam esse ingrediente na composição, está cada vez mais difícil de evita-lo.

Vamos conhecer cada tipo de açúcar e chegar às próprias conclusões?


Açúcar refinado: durante o processo de extração do caldo da cana de açúcar, são adicionadas substâncias químicas para diminuir a proliferação bacteriana, para neutralizar o ph, para branquear o açúcar. Durante o refinamento, são eliminadas as impurezas, e também as vitaminas e minerais, por isso falamos que possui calorias vazias. Esse tipo de açúcar possui rápida dissolução. Possui índice glicêmico moderado (65). 100g tem 387kcal e 99,5g de carboidrato.
Cristal: Não passa por uma das fases de refino, o que o deixa com os cristais maiores e com cerca de 10% dos nutrientes preservados. Portanto, mesmo o orgânico é pobre em vitaminas e minerais, e não é uma boa opção. 100g tem 387kcal e 99,6g de carboidrato.
Demerara: Passa por um refinamento leve e não sofre o branqueamento, ou seja, tem um pouco menos de química e coloração marrom clara. É mais úmido que o açúcar cristal e dissolve melhor também. Possui alguns nutrientes preservados como, cálcio, ferro, magnésio, fósforo e potássio. Mas ainda possui índice glicêmico moderado, devendo ser consumido com cautela por quem está em processo de emagrecimento. 1 col de chá tem 20kcal e 5g de carboidrato.
Mascavo: é o açúcar na forma bruta, após extração e cozimento do caldo de cana. Possui coloração mais escura e é mais úmido. Possui os mesmos nutrientes que o demerara preservados, pois passa por menos processos químicos. Valor calórico e quantidade de carboidrato não se difere muito do açúcar refinado, portanto, para quem quer emagrecer ou tem problemas de saúde, deve ser consumido com moderação e com orientação nutricional. 100g tem 369kcal e 94,5g de carboidrato.

Fonte: Google
Açúcar invertido: produzido quimicamente a partir do açúcar comum (sacarose). Utilizado pela indústria alimentícia para evitar cristalização do açúcar, melhorar textura e cor dos alimentos. Utilizado em refrigerante, balas, doces, sucos, sorvetes, entre outros. Preste atenção nos rótulos, pois muitos produtos levam esse ingrediente. Não possui nutrientes.

Orgânico: Não leva aditivos químicos, fertilizantes e agrotóxicos. Porém, o valor nutritivo, calórico e quantidade de carboidratos continuam semelhantes ao açúcar refinado. Não deve ser consumido à vontade. Diabéticos e quem tem outros problemas de saúde devem consumir com moderação e com orientação nutricional. 1 col de chá tem 20kcal e 5g de carboidrato. 

Light: é o açúcar refinado misturado com algum adoçante. Não possui nutrientes. O valor calórico e quantidade de carboidratos são reduzidos. Deve-se consumir com cautela, pois dependendo do adoçante utilizado na mistura, o excesso do mesmo pode ser prejudicial à saúde. Pode ser uma boa medida para quem está reduzindo a quantidade de açúcar na alimentação. Porém nada é mais saudável do que não usar açúcar nenhum (nem adoçante). Então vale a reflexão. Por exemplo, o Fit da União usa metade açúcar e metade sucralose, e ½ col de chá tem 10 kcal e 2,5g de carboidrato.

Frutose: açúcar extraído de frutas e milho. É um monossacarídeo, portanto sua absorção é rápida. Diabéticos devem ter cuidado. Não possui nutrientes. Adoça mais que o açúcar comum. Seu consumo excessivo está relacionado ao acúmulo de gordura corporal, triglicérides, aumento de peso, resistência à insulina, síndrome metabólica, aterosclerose. Leia os rótulos e veja que está presente em muitos alimentos. Seu similar é o xarope de milho, que é composto de frutose extraída do milho. ½ col de chá tem 10kcal e 2,5g de carboidrato.
Fonte: Google


Mel: feito pelas abelhas, contém cerca de 40% de frutose. Rico em nutrientes como selênio, manganês, zinco, cromo, cálcio, cobre, ferro, vitaminas do complexo B. É um alimento nutritivo, porém rico em carboidrato, devendo ser consumido om moderação ou até mesmo excluído da dieta de quem quer perder peso. Possui índice glicêmico moderado. 100g tem 309kcal e 84g de carboidratos. 

Melado: feito a partir da cana ou da rapadura. Rico em vitaminas do complexo B, cálcio, ferro, potássio e cromo. Para diferenciar melado, melaço e rapadura, segue definição da Anvisa:
Melaço - é o líquido que se obtêm como resíduo de fabricação do açúcar cristalizado, do melado ou da refinação do açúcar bruto.
Melado - é o líquido xaroposo obtido pela evaporação do caldo de cana (Saccharum officinarum) ou a partir da rapadura, por processos tecnológicos adequados.
Rapadura - é o produto sólido obtido pela concentração a quente do caldo de cana (Saccharum officinarum).”


100g tem 297kcal e 76,6g de carboidrato.  

Xarope de agave: extraído de uma planta. Adoça mais que o açúcar refinado. Rico em minerais. É feito a partir de processos recebendo substâncias químicas. Possui baixo índice glicêmico. Composto em grande parte por frutose, pode trazer os mesmo malefícios que o consumo da frutose pura (em excesso). Como adoça mais que o açúcar, pode ser usado em menores quantidades. Porém, ainda assim possui substâncias químicas e não deve ser tão liberado assim. 2 col de sopa tem 80kcal e 20g de carboidrato. 
Açúcar de coco: extraído das flores da palma de coco, não leva produtos químicos na sua extração. Possui vitaminas e minerais preservados e baixo índice glicêmico. 1 colher de chá tem 19kcal. 

 
Fontes:
https://pt.wikipedia.org/wiki/A%C3%A7%C3%BAcar





 

 
Postar um comentário